Artigo do Presidente | Nem tanto ao Chile, nem tanto à China: Brasil na medida certa

As milhares de pessoas que foram às ruas no Chile estão a impelir o Estado chileno em vir a lhes ofertar uma rede mínima de serviços públicos e de direitos sociais. O próprio presidente Sebastían Piñera já acenou buscar reformas nesse rumo. Não é possível ter a mínima paz social se o Estado se esquiva de prestar serviços básicos à população que não pode pagar por eles no mercado. Saúde, educação e previdência social dignas e ao alcance das pessoas carentes são hoje desejados ardentemente pelos chilenos. País da capitalização da previdência, tal qual Guedes queria nos impor, sucumbiu à estratificação social, à falta de pouco para muitos, concentrando muito na mão de poucos.



A China, por via transversa, chegou ao mesmo destino de concentração de renda e imobilidade social. Lá o trabalho quase escravo, ou seja, a exploração da mão de obra de forma surreal, tem sido fonte de enriquecimento da cúpula do partido comunista (quem não é do partido do governo não tem como “ser patrão”), bem como signo da exploração dos mais pobres no seio do comunismo que outrora acusava os ditos burgueses por tais explorações indevidas de seus semelhantes.

As ideologias são vernizes, uniformes desbotados e paradoxais, para maldizer rivais nos mais das vezes, são em verdade risíveis, face às realidades que efetivamente criaram. As pessoas querem ter o que comer, onde morar, acesso à saúde e educação, bem como se locomoverem de casa para o trabalho com segurança e agilidade. O resto é discurso de campanha.

Nem tanto ao Chile, nem tanto à China, as reformas que o Brasil precisa devem almejar um Estado administrável, com um tamanho ideal para servir às necessidades básicas da população, e capaz de propulsar o desenvolvimento econômico sustentável. Em suma, esse o Brasil que as pessoas com o mínimo bom senso (parecem) querer: na medida certa!


Por: Ralf Zimmer Júnior

ADEPESC
Associação das Defensoras e dos Defensores Públicos de Santa Catarina

adepesc@gmail.com                   

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS
  • Facebook ADEPESC
  • Instagram ADEPESC